Instagram | Kinea Investimentos Siga nossa página no Instagram e receba novidades. Siga nosso perfil Siga nosso perfil

Close

Pontuação de Risco

Pontuação de Risco 2

x

Pontuação de Risco A Pontuação de Risco Kinea é feita com base nos riscos de mercado, crédito e liquidez.

Início do Fundo

06 jun. 18

Taxa de Administração

0,60% a.a.

Taxa de Performance

Não há

Patrimônio líquido atual

R$ 2854,55 Mi

Patrimônio líquido atual (12 meses)

R$ 1286,38 Mi

Linha Detalhe Abas
Dots Abas

Rentabilidade do Prev Crédito Privado

Atualizado em Setembro/21

2021 ANO 113.71% FEV. MAR. ABR. MAI. JUN. JUL. AGO. SET. OUT. NOV. DEZ.
FUNDO 4.11% JAN. 0.61% 0.21% 0.31% 0.35% 0.47% 0.48% 0.61% 0.60%      
CDI 2.51% 0.41% 0.13% 0.20% 0.21% 0.27% 0.30% 0.36% 0.42% 0.44%      
%CDI 163.90% 0.15% 451.35% 106.07% 147.36% 131.36% 152.70% 136.29% 143.51% 136.46%      
2020 ANO 111.15% FEV. MAR. ABR. MAI. JUN. JUL. AGO. SET. OUT. NOV. DEZ.
FUNDO 1.07% JAN. 0.24% -4.06% 0.62% 0.74% 0.65% 0.87% 0.58% 0.32% 0.26% 0.26% 0.27%
CDI 2.77% 0.43% 0.29% 0.34% 0.28% 0.24% 0.22% 0.19% 0.16% 0.16% 0.16% 0.15% 0.16%
%CDI 38.79% 0.38% 81.43% 0.00% 217.04% 308.43% 302.06% 447.52% 359.72% 206.59% 163.11% 173.54% 165.11%
2019 ANO   FEV. MAR. ABR. MAI. JUN. JUL. AGO. SET. OUT. NOV. DEZ.
FUNDO 5.69% JAN. 0.58% 0.49% 0.53% 0.55% 0.48% 0.58% 0.46% 0.48% 0.32% 0.09% 0.38%
CDI 5.97% 0.60% 0.49% 0.47% 0.52% 0.54% 0.47% 0.57% 0.50% 0.47% 0.48% 0.38% 0.38%
%CDI 95.38% 0.54% 118.45% 105.15% 103.04% 101.57% 102.84% 102.55% 90.60% 102.16% 67.36% 22.76% 99.91%
2018 ANO . FEV. MAR. ABR. MAI. JUN. JUL. AGO. SET. OUT. NOV. DEZ.
FUNDO 4.00% JAN.         0.42% 0.58% 0.60% 0.54% 0.61% 0.56% 0.63%
CDI 3.58%           0.42% 0.54% 0.57% 0.47% 0.54% 0.49% 0.49%
%CDI 111.79%           100.20% 107.07% 106.32% 116.12% 111.72% 112.58% 126.88%
. . . . . . . . . . . . . .
. . . . . . . . . . . . . .
. . . . . . . . . . . . . .
. . . . . . . . . . . . . .

Resultados da gestão

Resultado da gestão | Kinea Atlas II

Atribuição de Performance

Atribuição de Performance | Kinea Prev Crédito Privado

Palavra do Gestor

Data ref. Setembro/21

Vídeo de análise

Se preferir, confira a carta na íntegra:

Para ver as informações completas, acesse a Carta do Gestor.

O fundo Kinea Previdência Crédito Privado teve mais um mês de performance positiva, entregando retorno a seus cotistas de aproximadamente 134% do CDI em setembro e um acumulado de 4,87% em 12 meses (165% do CDI). O fundo segue se beneficiando do bom carrego e fechamento de spreads de nossos papeis e hoje tem um prêmio de CDI+1,68% e prazo médio de 2,9 anos.

Setembro foi um mês de queda nos principais mercados globais. Na China, o aparente colapso financeiro da Evergrande, a maior empresa de construção civil do mundo, trouxe medo de contaminação para o resto do setor que corresponde direta e indiretamente por aproximadamente 25% do PIB chinês e potencialmente também para bancos locais. A situação da empresa segue indefinida, mas cremos em uma solução com interferência governamental que deverá limitar bastante as consequências dessa provável falência e manter o setor distante de uma crise mais profunda. De qualquer forma, o PIB Chines deve sofrer um desaquecimento maior por conta das restrições deliberadas ao crescimento deste setor na China. Nos EUA, o FED sinalizou o início da redução dos estímulos monetários para o final deste ano e os mercados reagiram precificando taxas de juros reais e nominais mais altas e as bolsas locais caíram. No Brasil, o mês começou com uma escalada de conflitos entre Bolsonaro e membros do STF trazendo quedas aos principais mercados, mas o Presidente recuou após o feriado de 7 de setembro, permitindo a melhora da interação entres os três poderes. O risco fiscal aumentou ao longo do mês, pois segue a indefinição quanto ao futuro do teto de gastos em 2022, que no momento parece depender de uma solução que reduza a necessidade de pagamentos de precatórios em troca de mais verbas para um bolsa família ampliado, que substituiria o auxílio emergencial. Por fim, a inflação surpreendeu mais uma vez negativamente, e o Banco Central sinalizou claramente que seguirá o ritmo recente de aumento de juros. Nesse contexto, a bolsa local e o Real caíram e os juros do governo brasileiro subiram. Olhando a frente, ainda acreditamos que as condições financeiras internacionais devem terminar o ano significativamente mais apertadas e que no Brasil o risco fiscal deverá diminuir apenas quando for possível encontrar uma solução para a expansão relevante dos programas de transferência de renda sem estourar o teto de gastos.

Por outro lado, o mercado de credito local segue forte, impulsionado por fluxos positivos para fundos de credito, empresas com métricas de credito em franca recuperação, Selic subindo (o principal indexador dos nossos fundos de credito). É importante ressaltar que os spreads de crédito no Brasil ainda estão acima da média histórica pré-pandemia: o IDA-DI hoje está em torno de CDI+1,47%, enquanto antes da crise ele esteve por muitos anos entre CDI+0,6% e CDI+1,0%. Isto indica que spreads devem continuar diminuindo, beneficiando quem está comprado em fundos de crédito. Por fim, vale ressaltar que nas últimas duas semanas observamos um aumento bastante grande no fluxo de emissões primarias no mercado de crédito brasileiro, o que nos permite ser bastante seletivos quanto a compra de novos papeis e deveria contribuir para uma boa performance dos nossos portfolios de crédito nos próximos meses.

Em relação ao nosso fundo, dentre os destaques do mês, os principais foram as performances das nossas debentures da Klabin (empresa de papel & celulose) e da Hapvida (setor de sáude). Em relação as principais modificações no mês, participamos da oferta primaria de debentures da Trisul e também da Simpar.

Características do Prev Crédito Privado

Para mais informações confira a Carta do Gestor.

Objetivo do Fundo

Superar o CDI investindo em ativos de crédito em moeda local. Investir em ativos de crédito privado como Debêntures, Letras Financeiras, CDBs e FIDCs.

Perfil de risco moderado

Superar CDI em ativos de crédito

Classes de ativos

Ativos de créditos corporativos, financeiros e estruturados.

Crédito

Estilo da gestão

Alocações baseadas em análises criteriosas de risco. Avaliação fundamentalista por ativo: qualidade de risco e alinhamento entre prazo e preço.

Como funciona

Processos diligentes e criteriosa seleção dos ativos.

Como Funciona | Crédito Privado

1. Prospecção

Gestor acompanha ativamente o mercado identificando as melhores oportunidades.

2. Avaliação

Os ativos selecionados são analisados de forma fundamentalista e aprovados em comitê interno.

3. Aquisição

Uma vez que a relação risco e retorno do investimento atenda às exigências, o gestor irá adquirir o ativo.

4. Controle

O monitoramento de todos os ativos do fundo é realizado de forma ativa.

Alocação por setor

Equipe

Equipe multidisciplinar, sócia do cliente no fundo.

Foto Ivan Fernandes

Ivan Fernandes

Crédito Privado

Ivan Fernandes juntou-se a Kinea em Janeiro de 2021 para gerir a área de credito corporativo nos fundos liquidos, com um portfolio inicial de BRL3.2bn. Ivan fez carreira focada em investimentos em instrumentos corporativos na America Latina (credito e acoes), com overlay de macro. Ele foi Head de Latam Credit Research na Pictet Asset Management em Londres nos últimos 7 anos, após 10 anos divididos entre Latam Investment Banking no JPMorgan (M&A+DCM), acoes long/short Latam na Bassini+Co (NY), e Latam credit research no Barclays (NY).

Ivan é formado em Engenharia Eletrica pela Poli-USP, tem MBA em Yale, e CFA.

Foto Bruno Kuba

Bruno Kuba

Trader

Foto Gustavo Muniz

Gustavo Muniz

Analista de Crédito Privado

Documentos recentes do Prev Crédito Privado

Nome do Documento Data da Atualização
Valor Patrimonial da Cota

10/2021

10/2021
Carta do Gestor

9/2021

9/2021
Informativo de Rentabilidade

9/2021

9/2021
Regulamento Prev Crédito Privado

5/2018

5/2018

Para documentos antigos acesse nossa seção de documentos.

Perguntas Frequentes sobre o Prev Crédito Privado

Qual o nível de risco de credito do Prev Crédito Privado?

O Prev Crédito Privado busca investir em ativos de baixo risco de crédito.

O que significa risco de crédito privado?

É o risco do emissor do título, seja uma empresa ou uma instituição financeira, não honrar com suas obrigações em suas datas de vencimento.

Por que investir no Prev. Crédito Privado?

Para ter uma gestão ativa e dinâmica em créditos de alta qualidade e superar o CDI.

Quem deve investir no Prev. Crédito Privado?

Pessoas físicas ou jurídicas de todos os perfis de risco e que tenham como objetivo diversificar seus investimentos em renda fixa e superar o CDI ao longo do tempo.

Qual o nível de alavancagem do Prev. Crédito Privado?

O Prev. Crédito Privado não pode alavancar.

Qual expectativa de retorno do Prev. Crédito Privado?

O Prev. Crédito Privado tem expectativa de superar o CDI através de investimentos de crédito de alta qualidade.

Em que pode investir o Fundo?

O fundo investe no mercado brasileiro de crédito (debêntures, NPs, Letras Financeiras, CDBs e FIDCs). Não investe no mercado internacional.

Quais são as despesas do Prev. Crédito Privado?

0,6% ao ano de taxa de administração, além de despesas como custódia, legal, etc. A rentabilidade do fundo, bem como sua expectativa de rentabilidade, são liquidas das despesas relativas ao fundo.

Cadastre-se em nossa newsletter

E fique por dentro do mercado de fundos

Ao se cadastrar você concordar com nossa Política de Privacidade.