Real Estate

Fundo imobiliário da Kinea com estratégia de investimento no desenvolvimento de projetos prioritariamente residenciais.

Palavra
do Gestor

1T 2019

No 1º trimestre de 2019, o Fundo distribuiu R$ 6,8 MM, totalizando R$ 111 MM desde o início, o que representa 53% do capital aportado pelos cotistas.

O Fundo atingiu o patamar de 83% de unidades vendidas, com destaque para os empreendimentos Face e Solaris, que mesmo diante do cenário desafiador do mercado, mantiveram boa velocidade de vendas nos últimos meses. Como consequência das vendas, em janeiro o financiamento a produção do Face foi quitado, e o projeto passou a distribuir resultados aos sócios. As vendas do empreendimento Cores da Mata foram finalizadas em março, e após o repasse junto ao Banco, o desinsvestimento deverá ser concluído no 2º trimestre.

No Cidade Viva Residencial e Comercial, o Gestor em conjunto com a OR continuam focados em monetizar o estoque remanescente e na negociação com os adquirentes que pretendem distratar seus contratos. O principal desafio do empreendimento, continua sendo o preço de vendas das unidades que permanecem em patamares bastante descontados. O financiamento da fase residencial deverá ser quitado ao longo do 2º trimestre e a partir de então, parte dos recursos gerados pela fase residencial poderão ser destinados para acelerar a quitação do financiamento da fase comercial.

Por conta do atual percentual de unidades em estoque em alguns empreendimentos, levaremos aos quotistas proposta para postergação do prazo de vencimento do Fundo, processo que deverá ocorrer no 2º trimestre deste ano.

O retorno previsto para o Fundo é de IPCA + 2% a.a, isento de IRPF. Esta rentabilidade poderá ainda ser revisada caso o cenário se prolongue além de nossas estimativas.

Rentabilidade

O Fundo encontra-se em fase de desinvestimento dos projetos de seu portfólio e as distribuições realizadas são compostas por rendimento e devolução de capital e portanto não devem ser consideradas para cálculo de yield e definição de preço para aquisição de quotas no mercado secundário.

Objetivo do Fundo

Gerar ganho de capital aos cotistas no longo prazo, proveniente do desenvolvimento de projeto imobiliário presentes na carteira do Fundo.

É bom para

Investidores que desejam investir em uma carteira diversificada de projetos para incorporação imobiliária, com apoio de uma equipe de gestão especializada, e possibilitar retornos adicionais em relação ao mercado real.

Contém

Carteira imobiliária

Portfólio diversificado com foco em projetos imobiliários residenciais concentrados nas melhores regiões do país por meio de processos diligentes que apoiam a criteriosa seleção dos ativos.

Início do
Fundo

01 nov. 11

Vencimento em 2019
FECHADO PARA CAPTAÇÃO
EM PERÍODO DE DESINVESTIMENTO

Taxa de
administração

2,00% a.a.

Desenvolvimento

Participação ativa em projetos residenciais, desde a compra do terreno e desenvolvimento do projeto até a entrega das unidades aos compradores.

Diversificação

Mirar em diferentes perfis de empreendimentos desenvolvidos por incorporadoras especialistas por tipo e região.

Controle

Monitoramento contínuo dos projetos investidos junto aos parceiros incorporadores, para a melhor análise das expectativas de risco e retorno de cada projeto.

Taxa de performance

20% do que exceder IPCA + 6% a.a.

Como funciona

Com processos diligentes e acompanhamento contínuo de todas as etapas do empreendimento.

Equipe

Equipe multidisciplinar, sócia do cliente no fundo.

Carlos Martins

Sócio e gestor responsável pelos fundos imobiliários de equity

Bruna Sotopietra

Originação

Ivan Simão

Relações com Investidores

Leonardo Pigola Mutschele

Monitoramento

Marcel Chalem

Controller

Rodolfo Piersanti

Vendas e Relações com Incorporadores
Palavra do Gestor
1T 2019

No 1º trimestre de 2019, o Fundo distribuiu R$ 6,8 MM, totalizando R$ 111 MM desde o início, o que representa 53% do capital aportado pelos cotistas.

O Fundo atingiu o patamar de 83% de unidades vendidas, com destaque para os empreendimentos Face e Solaris, que mesmo diante do cenário desafiador do mercado, mantiveram boa velocidade de vendas nos últimos meses. Como consequência das vendas, em janeiro o financiamento a produção do Face foi quitado, e o projeto passou a distribuir resultados aos sócios. As vendas do empreendimento Cores da Mata foram finalizadas em março, e após o repasse junto ao Banco, o desinsvestimento deverá ser concluído no 2º trimestre.

No Cidade Viva Residencial e Comercial, o Gestor em conjunto com a OR continuam focados em monetizar o estoque remanescente e na negociação com os adquirentes que pretendem distratar seus contratos. O principal desafio do empreendimento, continua sendo o preço de vendas das unidades que permanecem em patamares bastante descontados. O financiamento da fase residencial deverá ser quitado ao longo do 2º trimestre e a partir de então, parte dos recursos gerados pela fase residencial poderão ser destinados para acelerar a quitação do financiamento da fase comercial.

Por conta do atual percentual de unidades em estoque em alguns empreendimentos, levaremos aos quotistas proposta para postergação do prazo de vencimento do Fundo, processo que deverá ocorrer no 2º trimestre deste ano.

O retorno previsto para o Fundo é de IPCA + 2% a.a, isento de IRPF. Esta rentabilidade poderá ainda ser revisada caso o cenário se prolongue além de nossas estimativas.

Rentabilidade

O Fundo encontra-se em fase de desinvestimento dos projetos de seu portfólio e as distribuições realizadas são compostas por rendimento e devolução de capital e portanto não devem ser consideradas para cálculo de yield e definição de preço para aquisição de quotas no mercado secundário.

Objetivo do Fundo

Gerar ganho de capital aos cotistas no longo prazo, proveniente do desenvolvimento de projeto imobiliário presentes na carteira do Fundo.

É bom para

Investidores que desejam investir em uma carteira diversificada de projetos para incorporação imobiliária, com apoio de uma equipe de gestão especializada, e possibilitar retornos adicionais em relação ao mercado real.

Contém

Carteira imobiliária:

Portfólio diversificado com foco em projetos imobiliários residenciais concentrados nas melhores regiões do país por meio de processos diligentes que apoiam a criteriosa seleção dos ativos.

Início do Fundo

01 nov. 11

Vencimento em 2019
FECHADO PARA CAPTAÇÃO

Taxa de administração

2,00% a.a.

Desenvolvimento

Participação ativa em projetos residenciais, desde a compra do terreno e desenvolvimento do projeto até a entrega das unidades aos compradores.

Diversificação

Mirar em diferentes perfis de empreendimentos desenvolvidos por incorporadoras especialistas por tipo e região.

Controle

Monitoramento contínuo dos projetos investidos junto aos parceiros incorporadores, para a melhor análise das expectativas de risco e retorno de cada projeto.

Taxa de performance

20% do que exceder IPCA + 6% a.a.

Como funciona

Com processos diligentes e acompanhamento contínuo de todas as etapas do empreendimento. Este Fundo se encontra em fase de Desinvestimento

Pré-projeto

1. Mapeamento das oportunidades no mercado imobiliário

• Incorporadores apresentam projetos potenciais
• Contatos feito pela Kinea direto com incorporadores

2. Análise dos projetos de diligência

• Seleção dos projetos com base em avaliações técnicas e na expectativa de retorno
• Diligência fiscal e legal nas SPEs dos projetos
• Análises: Mercado, Parceiro Incorporador, Produto, Preço de Venda, Custos Estimados de desenvolvimento e de Obra.
• Projetos são submetidos ao Comitê de Investimentos da Kinea para aprovação ou não do investimento.

Projeto

3. Início do projeto / 0-18 meses

• Aquisição do terreno
• Desenvolvimento do produto imobiliário
• Aprovação do projeto junto aos Órgãos Públicos

4. Lançamento pré-venda / 18 – 30 meses

• Campanha de marketing
• Acompanhamento comercial junto ao parceiro incorporador

5. Construção / 30 – 60 meses

• Construção da obra conforme cronograma previsto
• Acompanhamento do avanço Físico e Financeiro da Obra
• Acompanhamento das vendas
• Gestão ativa do empreendimento

Desinvestimento

6. Transferência dos recebíveis para os bancos / 60 – 72 meses

• Ao final da obra, os clientes estão aptos para realizar o financiamento imobiliário junto as instituições financeiras
• Entrega das chaves aos compradores
• Distribuição dos resultados do empreendimento ao Fundo

Equipe

Equipe multidisciplinar, sócia do cliente no fundo.

  • Bruna Sotopietra

    Originação

  • Carlos Martins

    Sócio e gestor responsável pelos fundos imobiliários de equity

  • Ivan Simão

    Relações com Investidores

  • Leonardo Pigola Mutschele

    Monitoramento

  • Marcel Chalem

    Controller

  • Rodolfo Piersanti

    Vendas e Relações com Incorporadores

Composição da Carteira

Com processos diligentes que apoiam a criteriosa seleção dos ativos.